domingo, 23 de outubro de 2011

Ponto.


Eu só preciso parar.
Eu quero parar.
Eu tenho que parar.
Mas eu não consigo
Eu estou colocando reticências infinitas
Nesta vida pouca que me resta.
Eu sou tão pequena, pobre, ínfima.
Medíocre.

Preciso parar.
Preciso de mais pontos finais.

Um comentário:

  1. os pontos finais partem pra linhas retas e definem
    e o que está sacramentado corre o risco de perder a graça

    ResponderExcluir

Tell me you're not vicious...